WWW . Seu Portal em Midia Impressa: Maio 2012

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Subprefeitura Itaquera gastou apenas 20% do orçamento


Subprefeitura Itaquera gastou
apenas 20% do orçamento  
Decorrido quase metade deste ano, a Subprefeitura de Itaquera aplicou somente 20% dos recursos orçamentários aprovados para a região de sua abrangência.  Do valor autorizado de R$ 46,5 milhões destinados a investimentos, custeio administrativo e serviços de manutenção diversos para 2012 foram efetivamente liquidados até 31 de maio apenas R$ 9,5 milhões. Esses dados estão disponíveis no Sistema de Orçamento e Finanças (SOF) da Prefeitura.
Esse desperdício de recursos públicos afeta importantes programas previstos para os distritos de Cidade Líder, Fazenda do Carmo, José Bonifácio e a própria Itaquera. No plano de intervenção, urbanização e melhoria de bairros, com orçamento de R$ 8,3 milhões, por exemplo, nada foi gasto na região.
Considerados itens essenciais na prevenção de enchentes e alagamentos, alguns desses serviços ficaram muito aquém dos previstos. O serviço de limpeza de bocas-de-lobo e poços de visita também registra zero de execução. Já a limpeza mecânica de córregos registrou 25% gasto, enquanto a limpeza manual teve 29% executado. Já a manutenção de piscinões teve 29%. A conservação de áreas verdes  e vegetação arbórea aplicou 18%  do valor previsto.
Alguns itens de gastos cumprem um ritual de obrigatoriedade. Dos R$ 9,6 milhões gastos, R$ 5,6 milhões, ou seja, pouco mais da metade (58%), foram direcionados para pagamento da folha de pagamento dos servidores e o custeio administrativo da Subprefeitura de Itaquera.

Para a vereadora Juliana Cardoso (PT), mais do que acompanhar números e porcentagens, a execução orçamentária é um termômetro que mede a eficiência da gestão de recursos.  “A baixa execução mostra a deficiência dos coronéis que administram as subprefeituras. No ano passado a Subprefeitura Itaquera aplicou somente 55% dos recursos orçamentários aprovados e perdeu apenas para a do Itaim Paulista que registrou 48% de execução”, comenta a vereadora.

Legenda da foto: Vereadora Juliana Cardoso (PT): “Em 2011 a Subprefeitura Itaquera aplicou somente 55% do orçamento


Assessoria de Imprensa
Vereadora Juliana Cardoso
André Kuchar (MTb 15.513).
Telefones 3396-4315 e 3396-4351

Exposição “África em Nós” em Itaquera

Exposição “África em Nós” em Itaquera

 

As imagens retratam as influências africanas na formação do povo brasileiro
Nesta sexta-feira, 1ª de junho, a Subprefeitura Itaquera, em parceria com a  Secretaria Municipal de Cultura realizam abertura da exposição fotográfica “África em Nós”, que permanecerá exposta na sede da subprefeitura durante o mês de junho.
A Supervisão de Cultura trouxe para região de Itaquera a mostra com 101 imagens vencedoras da campanha fotográfica, promovida pela Secretaria de Estado da Cultura, que retratam a influência africana no cotidiano brasileiro. A coordenação da campanha recebeu mais de 7 mil fotografias, e 101 foram escolhidas por uma comissão julgadora para fazer parte da exposição, com curadoria do fotógrafo Walter Firmo.
A exposição está dividida em oito categorias: Cotidiano, Festas Populares, Gastronomia, Contrastes, Paisagem, Religiosidade e Retratos. Segundo o Supervisor de Cultura da Subprefeitura Itaquera, Gabriel Oliveira, a exposição apresenta a África no Brasil, com olhares fotográficos individuais, retratando a diversidade cultural. “Essa exposição contribui com a difusão cultural Itaquerense, estamos todos empenhados em trabalhar pela cultura da região”, comenta, o Supervisor de Cultura.
As imagens retratam as influências africanas no Brasil em contextos diferentes, como a variedade das cores nas manifestações religiosas e culturais, a pluralidade das etnias e o encontro da arte como registro da identidade brasileira.
Serviço:
Exposição África em Nós
Local: Subprefeitura Itaquera
Rua Augusto Carlos Bauman, 851 - Itaquera
Data: 1 de junho
Horário: 10h às 16h
Em cartaz até 2 de julho de 2012
Informações e Agendamento – (11) 2944-8626
Entrada Franca


Assessoria de Imprensa
Subprefeitura de Itaquera
Tel. 2079-1691

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Moradores de Itaquera aderem à Campanha de Vacinação contra a Raiva em Cães e Gatos

 Veja a data e os locais na materia


Postos de vacinação instalados na região de Itaquera tem recebido centenas de animais todos os dias trazidos por seus proprietários para serem imunizados.



A Campanha de Vacinação Contra Raiva em Cães e Gatos realizada pela Prefeitura de São Paulo por meio da Secretaria Municipal da Saúde prossegue até 03/06 em toda a cidade de São Paulo. Na região de Itaquera os moradores têm comparecido em massa aos postos de vacinação para imunizarem seus cães e gatos contra a raiva. O Centro de Controle de Zoonoses e a Supervisão de Vigilância em Saúde (SUVIS - Itaquera) manterão postos de vacinação que relacionamos abaixo.



Durante cerca de trinta minutos no posto de vacinação instalado na esquina da Estrada Itaquera-Guaianazes X Rua Goiata, na manhã de terça-feira, 22/05, mais de trinta animais foram vacinados. Numa grande demonstração de carinho, proprietários trouxeram seus animais para serem imunizados contra a raiva. Foi o caso da moradora Elizabete França, 34 anos, que acompanhada dos filhos Rodrigo e Giovanna trouxe a cadelinha “preta” para vacinar.





Meta de Vacinação

A meta da campanha é imunizar cerca de um milhão de animais, entre cães e gatos. A adesão da população à Campanha de Vacinação Contra Raiva é importante para que a doença permaneça sob controle. Donos responsáveis devem levar seus animais para serem vacinados, essa atitude também é uma demonstração de carinho e proteção. Cães e gatos, quando bem cuidados e vacinados, refletem melhores condições de vida, tanto para o homem como para o animal, prevenindo doenças.



Raiva: vacinar é prevenir

A raiva é uma doença transmissível tanto para outros animais como para o homem. A transmissão ocorre pelo contágio direto, como mordidas, arranhões ou lambedura de cães, gatos, morcegos ou outros mamíferos infectados. Nos centros urbanos é muito importante vacinar tanto gatos quanto cães que por terem o hábito de caçar, estão mais expostos, podendo entrar em contato com morcego infectado e, dessa forma, contrair e transmitir a doença.


Quem deve ser vacinado

A campanha é destinada aos cães e gatos, acima de três meses de idade, inclusive as fêmeas que estiverem amamentando, prenhes ou no cio. A aplicação da vacina é realizada com seringas e agulhas descartáveis. Obrigatória para cães e gatos, conforme lei municipal nº 13.131/01, a vacinação é gratuita.


Postos de vacinação: locais e datas

Ao todo serão 2.064 postos de vacinação, espalhados pela cidade (logradouros públicos como praças e esquinas de avenidas), que estarão sinalizados com uma faixa indicando o dia da vacinação naquele local, além de outros 17 postos fixos. O horário de vacinação será das 9 às 17 horas. Mais informações pelo telefone 156 ou pelo site http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/saude/vigilancia_em_saude



Recomendações para o dia da vacinação:



·         Cães dóceis devem estar com coleira e guia, e ser conduzidos por pessoas com tamanho suficiente para controlá-los e contê-los na hora de tomar a vacina;

·         Somente adultos com condições de conter os animais devem conduzi-los, crianças não devem levar os animais para vacinar;

·         Animais bravos devem estar com focinheira para não oferecer nenhum risco de agressão ao proprietário ou outras pessoas;

·         Gatos são naturalmente muito assustados e devem ser levados em caixas de transporte ou similar, para que se evitem fugas ou acidentes;

·         Animais doentes não devem ser vacinados. Exemplos: animais com diarréia, secreção ocular ou nasal, sem apetite, animais que estão convalescendo de cirurgias ou outras enfermidades.


Lembre-se: quem ama cuida



·         O dono responsável e consciente cuida da vacinação e vermifugação do seu cão ou gato.

·         A guarda responsável compreende dar abrigo confortável, protegido do sol, chuva ou vento, com espaço para deitar e rolar. Os gatos preferem locais altos e aconchegantes.

·         A alimentação deve ser à base de rações apropriadas, de acordo com a espécie e idade do animal. A água deve ser mantida à vontade, limpa e fresca.

·         Todo dono deve recolher as fezes de seu cão ou gato nas ruas, calçadas e parques. É uma atitude de cidadania e obrigatório por lei.

·         Castrar é um método eficaz e saudável, que previne crias indesejáveis, diminuindo o abandono.





Postos de vacinação em Itaquera: locais e datas





28 de maio



    Largo da Matriz x Rua Porto Xavier – Itaquera
    Rua Sabbado D’Ângelo X São Francisco do Piauí – Itaquera
    Rua José Oiticica Filha X Marcelino da Silva – Jardim Redil – Itaquera
    Rua André Cavalcante X Sestílio Milani – Jardim Aurora - Itaquera



29 de maio



    Avenida Gameleira Branca x Osvaldo Valle Cordeiro – Cidade Líder
    Praça Valdemar Bassi – Jardim Brasília – Cidade Líder
    Rua Domingos Valadares X Jacinto de Sampaio Soares – Jardim do Carmo – Parque do Carmo
    Rua Joaquim de Lacerda X Pedro Velho – Jardim Nossa Senhora do Carmo
    Avenida Maria Luisa Americano X Rua Jerônimo Tavares – Jardim Nossa Senhora – Parque do Carmo
    Rua Odília Bonfim X Rua Vito Modesto Pedote – Parque Savoy City – Cidade Líder
    Largo da Matriz X Porto Xavier – Vila Carmosina – Itaquera



30 de maio



    Avenida Alziro Zarzur X Rua Ibitiguaia – Parque Savoy City – Cidade Líder
    Rua Dr. Francisco Munhoz Filho (em frente à Emef – Danylo José Fernandes) – Vila Carmosina – Cidade Líder
    Avenida Afonso de Sampaio e Souza X Rua dos Secadouros – Vila Carmosina – Parque do Carmo
    Largo da Matriz X Rua Porto Xavier – Vila Carmosina - Itaquera
    Rua Venâncio Lisboa X Inácio Bernardes – Jardim Nossa Senhora do Carmo – Parque do Carmo
    Praça Francisco Daniel Lopes – Cidade Líder
    Rua Estevão Dias Vergara x Rua Cravo da Índia – Cidade Líder



31 de maio



    Largo da Matriz x Rua Porto Xavier – Itaquera
    Rua Luis Toledo Piza X Eduardo Salamonde – Jardim Nossa do Carmo
    Estrada Velha de Itaquera X Serrana (Pedreira) – Cidade Líder
    Avenida Líder, 2168 (em frente EE. Ascânio de Azevedo Castelo) – Cidade Líder
    Avenida Maria Luisa Americano X Antônio de Souza Queiroz – Cidade Líder
    Rua Arraial da Anta X Rua Charim – Vila Carmosina – Parque do Carmo
    Rio Veríssimo x Rua Ilha de Santa Ana – Parque do Carmo





1º de junho



    Rua Manjericão x Rua Camalotilho – Cidade Líder
    Praça Valdemar Bassi – Jardim Brasília – Cidade Líder
    Avenida dos Latinos X Rua Astolfo Marques – Parque Savoy City – Cidade Líder
    Largo da Matriz X Rua Porto Xavier – Vila Carmosina – Itaquera
    Rua Lucila Faria x Rua Sabbeirana – Jardim Brasília – Cidade Líder
    Rua Uxi x Rua Faustino da Costa Santos – Cidade Líder
    Rua Saul Borges X Rua Fortuna de Minas



02 de junho



    Rua André Siqueira x Rua Henrique Schurig – Jardim Brasília – Cidade Líder
    Rua Bom Jesus do Monte x Rua Senembi – Cidade Líder
    Praça Maicá – Jardim Brasília – Cidade Líder
    Avenida Osvaldo Valle Cordeiro X Rua Alves de Faria – Parque Savoy City
    Largo da Matriz X Rua Porto Xavier – Vila Carmosina – Itaquera
    Rua Aturis x Rua Galeandra – Cidade Líder
    Rua Claudio Bastos x Rua Quinta da Magnólia – Cidade Líder



03 de junho



    Praça Brasil – COHAB José Bonifácio
    Rua Marieta Lara de Faria X Rua Tomé Guimarães – José Bonifácio
    Avenida Jacu Pêssego X Rua Jaime Ribeiro Wright – José Bonifácio
    Rua São Teodoro X Rua Serra de São Domingos – Vila Carmosina – Parque do Carmo
    Largo da Matriz x Rua Porto Xavier – Vila Carmosina – Itaquera
    Rua Malmequer do Campo x Rua Suíte de Natal – Parque do Carmo
    Rua Manuel Bacelar x Rua João Barreiros – Parque do Carmo





Assessoria de Imprensa

Subprefeitura de Itaquera

Tel. 2079-1691

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Supermercado será adaptado em hospital prometido por Kassab

 Vereadora Juliana Cardoso (PT): “falta de leitos traz dificuldades de internações”


Imóvel na Avenida Itaberaba, Freguesia do Ó, onde funcionava supermercado 



Menos de 24 horas depois do Tribunal de Contas do Município (TCM) suspender a Parceria Público-Privada (PPP) da Secretaria da Saúde, o prefeito Gilberto Kassab adotou outra estratégia para tentar emplacar sua promessa eleitoral de construir três novos e modernos hospitais. O Diário Oficial do Município de quinta-feira da semana passada, 17de maio, publicou decretos declarando de utilidade pública áreas na Vila Carrão, Cidade Dutra e Freguesia do Ó para implantar unidades hospitalares em prédios adaptados. Em vez dos 550 leitos prometidos, agora são 175. Num dos imóveis, que serão desapropriados, na Avenida Itaberaba, Freguesia do Ó, até pouco tempo funcionava o Supermercado Dia. 
Além dessa área, as demais também serão improvisadas para receber hospitais. No prédio desocupado da Avenida Conselheiro Carrão com Rua Luís Pinto, abrigava hospital e maternidade particulares. A medida do prefeito foi uma resposta à suspensão das PPP pelo TCM. A decisão unânime do TCM aconteceu na véspera do anúncio dos decretos, no dia 16 maio.
Lançada em dezembro de 2010, a PPP teve a entrega dos envelopes da licitação adiada por 14 vezes pela própria Prefeitura. A versão é que os seguidos adiamentos na licitação ocorreram por dificuldades em encontrar empresas interessadas, uma vez que o retorno do investimento só começaria quando as unidades de saúde estivessem concluídas.
Pelo plano original da PPP, a empresa vencedora da licitação deveria construir os três novos hospitais e reformar os demais. Como contrapartida poderia explorar os serviços não clínicos, como alimentação, limpeza, segurança, estacionamento e limpeza.
De acordo com TCM, o edital deveria ter pedidos de maiores garantias econômico-financeira das empresas participantes. Além disso, necessitaria de um estudo atualizado de valores. A licitação começou no ano passado e neste período houve mudanças econômicas.
Com mudança de planos, os três locais foram alterados. Inicialmente, pela PPP seriam contemplados com novos hospitais o Artur Alvim, Brasilândia e Parelheiros. Além disso, a expansão de leitos-SUS é bem menor do que a prometida e ainda está distante do ideal. Com população de mais de 11 milhões de habitantes, São Paulo tem 15.467 leitos e, conforme padrões do Ministério da Saúde, são necessários mais 12.843 leitos.     
“Agora, se conseguir reformar esses imóveis a tempo do final de seu mandato serão apenas 175 leitos, bem menos do que os 550 só com os três novos hospitais”, declarou a vereadora Juliana Cardoso (PT), integrante da Comissão de Saúde da Câmara Municipal. “A falta de mais leitos na cidade traz consequências óbvias como dificuldades de internações e elevados tempos de espera para a população ser atendida”.   




Assessoria de Imprensa
Vereadora Juliana Cardoso
André Kuchar (MTb 15.513).
Telefones 3396-4315 e 3396-4351



sexta-feira, 18 de maio de 2012

"Itamaraty divulga nomes que vão participar de 'Diálogos' na Rio+20" - G1


 
Lista parcial tem 78 nomes de especialistas que vão discutir dez temas.
Diálogos para o Desenvolvimento Sustentável ocorrem de 16 a 19 de junho.
O Ministério das Relações Exteriores divulgou no início da tarde desta quinta-feira (17) a lista de debatedores dos "Diálogos para o Desenvolvimento Sustentável", evento que deve ocorrer entre 16 e 19 de junho durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, no Rio de Janeiro.
Ao todo foram divulgados 78 nomes de várias partes do mundo, inclusive do Brasil, que foram convidadas pelo governo e se dividirão entre dez mesas. Entretanto, o Itamaraty informa que a listagem é parcial, já que a intenção é que cada mesa tenha dez convidados.
A Rio+20 recebe este nome por ocorrer vinte anos depois da Rio 92 (também conhecida como Eco 92), considerada a maior conferência sobre meio ambiente já realizada, que popularizou o conceito de "desenvolvimento sustentável".
Eles vão debater temas relacionados ao combate à pobreza, desemprego e migrações, resposta às crises econômicas, mudança no padrão do consumo, florestas, segurança alimentar e nutricional, energia sustentável, água, cidades sustentáveis e inovação e oceanos.
Estão entre os participantes a ex-primeira ministra da Noruega, Gro Harlem Brundtland, considerada a mãe do conceito de "desenvolvimento sustentável", o uruguaio Enrique Iglesias, ex-presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o suíço Mathis Wackernagel, criador do conceito de "pegada ecológica", e o norte-americano Jeffrey Sachs, economista e autor do livro "O fim da pobreza", onde apresenta algumas ideias sobre desenvolvimento.
Entre os brasileiros convidados estão o embaixador Rubens Ricupero, ex-secretário-geral da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) e Luiz Pinguelli Rosa, secretário-executivo do Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas
Objetivo

Os "Diálogos para o Desenvolvimento Sustentável" são uma iniciativa do governo brasileiro colocada entre a última fase de negociações diplomáticas sobre a Rio+20 e o segmento de alto nível, onde um documento final deve ser assinado.
Poderão participar apenas pessoas previamente selecionadas, sendo 750 da sociedade civil. Entretanto, de acordo com o governo, as reuniões serão transmitidas pela internet.
A coordenação da Cúpula dos Povos, evento crítico à Rio+20, afirmou que não deverá participar do evento pois acha que foi perdido seu foco principal, que é o debate com a sociedade civil.
Confira a lista com os participantes:
James Galbraith, dos EUA (Foto: Divulgação)James Galbraith, dos

EUA (Foto: Divulgação)
Dia 16 de junho, 10h

Tema: desemprego, trabalho decente e migrações


Roger Omaar (Nigéria) - jornalista da Al Jazeera

Sharan Burrow (Austrália) - Secretária-geral da Confederação Sindical Internacional

Wang Shi (China) - Diretor do China Vanke Co. Ltd.

Deborah Wince Smith (EUA) - Presidente do Conselho de Competitividade

Nana- Fosu Randall (Gana) - Fundadora e presidente da ONG Vozes das Mães Africanas

James Galbraith (EUA) - Economista e professor da Universidade do Texas

Lu Huilin (China) - Sociólogo e professor da Universidade de Beijing

Carmen Helena Foro (Brasil) - Secretária de Meio Ambiente da CUT
Jeffrey Sachs, dos EUA (Foto: Divulgação)Jeffrey Sachs, dos EUA

(Foto: Divulgação)
14h30

Tema: desenvolvimento sustentável como resposta às crises econômicas e financeiras


Jeffrey Sachs - economista e professor da Universidade Columbia

Enrique Iglesias (Uruguai) - Ex-presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

Caio Koch-Weser (Alemanha) - Do banco Deutsche Bank

Kate Raworth (Reino Unido) - Pesquisadora da Oxfam (ligada a Universidade de Oxford)

Maria da Conceição Tavares (Brasil) - Economista e professora da Universidade de Campinas

Yilmaz Akyuz (Turquia) - Ex-membro da Conferência da ONU para Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD)
Pavan Sukhdev, da Índia (Foto: Divulgação)Pavan Sukhdev, da Índia

(Foto: Divulgação)
18h30

Tema: desenvolvimento sustentável para o combate à pobreza


Fred de Sam Lazaro (Índia) - âncora da Rede Pública de televisão dos EUA (PBS)

Márcia Lopes (Brasil) - Universidade de Londrina

Yang Tuan (China) - Academia Chinesa de Ciências Sociais

Pavan Sukhdev (Índia) - Assessor do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma)

Boaventura Santos (Portugal) - Sociólogo da Universidade de Coimbra

Judith Sutz (Uruguai) - Professora de Ciência e Tecnologia da Universidade da República

Lourdes Atencio (Peru) - Federação Nacional de Mulheres Trabalhadoras Rurais do Peru
Gro Harlem Brundtland, da Noruega (Foto: Divulgação)Gro Harlem Brundtland, da

Noruega (Foto: Divulgação)
Dia 17 de junho, 10h

Tema: economia do desenvolvimento sustentável, incluindo padrões sustentáveis de produção e consumo


Gro Harlem Brundtland (Noruega) - Ex-primeira ministra da Noruega e "mãe" do conceito de desenvolvimento sustentável

Rubens Ricupero (Brasil) - diplomata e ex-secretário-geral da UNCTAD

Juan Carlos Castilla-Rubio - diretor do instituto de pesquisa Planetary Skin Institute

Mathis Wackernagel (Suíça) - criador do conceito de "pegada ecológica"

Helio Mattar (Brasil) - Presidente do Instituto Akatu

Ignacy Sachs (França) - Fundador do Centro Internacional de Pesquisas em Meio Ambiente

Elisabeth Laville (França) - Especialista em políticas empresariais de sustentabilidade ambiental
Yolanda Kakabadse, do Equador (Foto: Divulgação)Yolanda Kakabadse, do

Equador (Foto: Divulgação)
14h30

Tema: florestas


Bertha Becker (Brasil) - geógrafa e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Yolanda Kakabadse (Equador) - ex-ministra do Meio Ambiente do Equador

Lu Zhi (China) - Diretora do Centro para Natureza e Sociedade da Universidade de Beijing

Estebancio Dias (Panamá) - Aliança dos Povos Indígenas e tribais das florestas tropicais

André Freitas (Brasil) - Diretor do Conselho de Manejo das Florestas

Julia Marton (França) - diretora da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN, na sigla em inglês)
Mary Robinson, da Irlanda (Foto: Divulgação)Mary Robinson, da Irlanda (

Foto: Divulgação)
18h30

Tema: segurança alimentar e nutricional


Amrita Cheema (Índia) - âncora da Deutsche Welle TV

Mary Robinson (Irlanda) - diretora do Instituto Internacional para o Meio Ambiente e Desenvolvimento (IIED)

Martin Khor (Malásia) - diretor-executivo do South Centre

Hortensia Hidalgo (Chile) - Rede de Mulheres Indígenas sobre Biodiversidadade da América Latina

Josette Sheeran (EUA) - Vice-presidente designada do Fórum Econômico Mundial

Carlo Petrini (Itália) - Fundador do movimento Slow Food

Luísa Dias Diogo (Moçambique) - Ex-primeira ministra do Moçambique

Vanda Shiva (Índia) - Diretora da Fundação de pesquisa para Ciência, Tecnologia e Ecologia

Renato Maluf (Brasil) - Centro de Referência em segurança alimentar da UFRRJ

Maria Estrella Penunia (Filipinas) - Associação Agrícola Asiática para o Desenvolvimento Sustentável Rural

Marco Marzano (Itália) - diretor Organização Mundial de Agricultores
Kornelis Blok, dos Países Baixos (Foto: Divulgação)Kornelis Blok, dos Países

Baixos (Foto: Divulgação)
Dia 18 de junho, 10h

Tema: energia sustentável para todos


James Astill (Reino Unido) - jornalista da "The Economist"

Christine Lins (França) - secretária-executiva REM 21

Changhua Wu (China) - diretora do Greater China - The Climate Group

Kornelis Blok (Países Baixos) - Físico, membro do IPCC e professor da Universidade de Utrecht

Luiz Pinguelli Rosa (Brasil) - Físico e secretário do Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas

José Antonio Vargas (Colômbia) - Conselho Mundial de Energia
Shanta Sheila Nair, da Índia (Foto: Divulgação)Shanta Sheila Nair, da Índia

(Foto: Divulgação)
14h30

Tema: água


Lucia Newman (Reino Unido) - jornalista da Al Jazeera

Loic Fauchon (França) - Presidente da ONG Trans-sahara

Shanta Sheila Nair (Índia) - Ex-secretária do Depto. de Provisão de Água Potável do governo da Índia

Ania Grobicki (Suécia) - Secretária-executiva do Global Water Partnership (GWP)

Albert Butare (Ruanda) - ex-ministro de Água e Energia de Ruanda

Benedito Braga (Brasil) - membro da Agência Nacional de Águas (ANA)

Dyborn Chibonga (Malawi) - Associação dos minifundiários nacionais do Malawi

Myrna Cunnigham Kain (Nicarágua) - Fórum Permanente da ONU para Assuntos Indígenas
Janice Perlman, dos EUA (Foto: Divulgação)Janice Perlman, dos EUA

(Foto: Divulgação)
18h30

Tema: cidades sustentáveis e inovação


André Trigueiro (Brasil) - jornalista da TV Globo

Jaime Lerner (Brasil) - arquiteto e ex-prefeito de Curitiba

Shigeru Ban (Japão) - arquiteto e especialista em soluções para construção fácil

Nawal Al-Hosany (Emirados Árabes) - diretora de sustentabilidade da iniciativa de Abu Dhabi para o desenvolvimento (Masdar)

David Cadman (Canadá) - Conselho Internacional para Iniciativas ambientais locais

Enrique Ortiz (México) - Arquiteto e urbanista

Janice Perlman (EUA) - presidente Projeto Mega Cidades

Oded Grajew (Brasil) - Instituto Ethos

Alejandro Aravena (Chile) - Arquiteto e professor da Universidade Católica do Chile
Sylvia Earle, dos EUA (Foto: Divulgação)Sylvia Earle, dos EUA (Foto:

Divulgação)
Dia 19 de junho, 9h

Tema: água


Sylvia Earle (EUA) - oceanógrafa

Ussif Rashid Sumaila (Nigéria) - Unversidade Columbia Britânica

Shaj Thayil (Cingapura) - Vice-presidente Gerenciamento Internacional de Navios

Margareth Nakato (Uganda) - Fórum Mundial de Pescadores

Robin Mahon (Canadá) - Centro para gerenciamento de recursos e meio ambiente

Biliana Cicin-Sain (Itália) - Universidade de Delaware

Segen Farid Estefen (Brasil) - Professor de estruturas oceânicas UFRJ

Arthur Bogason (Islândia) - presidente da Associação nacional de proprietários de pequenos botes

Asha de Vos (Sri Lanka) - bióloga marinha

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Itaquera participa de cerimônia de abertura da 10ª edição dos Jogos da Cidade



Em plena manhã de sábado, 12/5, os atletas impulsionados pelos seus supervisores aguardavam ansiosos para o desfile de abertura da 10ª edição dos Jogos da Cidade. A Supervisão de Esporte da Subprefeitura Itaquera estava presente na cerimônia de abertura do maior campeonato amador do país. 

A banda da Polícia Militar puxou o desfile que começou com a energia das 31 subprefeituras. A Subprefeitura Itaquera era uma das mais animadas e arrancou aplausos do Secretário Municipal de Esportes, Bebetto Haddad.

“Dez anos de Jogos significa que houve aceitação. Só tenho que agradecer, pois se o evento é grande, é porquê vocês nos apoiaram. A festa é de vocês”, declarou o Secretário de Esportes Lazer e Recreação.

O Supervisor de Esportes Francisco Bertulino aproveitou o momento para agradecer os atletas. "O esporte é união. Nós temos que agradecer pelo trabalho realizado por vocês atletas e seus organizadores", afirmou. 

Os Jogos da Cidade é o maior torneio esportivo amador do país, com um número recorde de inscrições com mais de 4 mil atletas participando em cinco modalidades (futebol de campo, futsal, basquete, vôlei e handebol) além dos festivais de bocha, capoeira, gateball, tênis, xadrez e vôlei de areia.

Os Jogos da Cidade são realizados pela Secretaria de Esportes Lazer e Recreação. Mais informações no site: http://www.jogosdacidade.prefeitura.sp.gov.br/forms/frmApresentacao.aspx



Assessoria de Imprensa
Subprefeitura de Itaquera
Tel. 2079-1691

Sala de Cinema exibe Decididamente Animados




A Sala de Cinema localizada no prédio da Subprefeitura de Itaquera é um projeto que nasceu da parceria entre Subprefeitura de Itaquera e a Rede Brazucah, produtora cultural de difusão do cinema brasileiro, com o apoio da Associação Cultural e Beneficente ABC – Dinda. 

Este ano a Sala de Cinema consolidou novas parcerias contando com o apoio da Cinemateca da Embaixada da França, do Memorial da América Latina, além de diretores, produtoras e distribuidoras que disponibilizaram seus filmes gratuitamente para exibição.
As sessões de cinema acontecem todas as sextas-feiras, às 10h e às 15h. A entrada é gratuita, basta reservar o seu lugar através do telefone 2079-1691 ou pelo email smalauk@prefeitura.sp.gov.br;